Puerto Madero

Puerto Madero

O bairro de Puerto Madero é um dos bairros mais turísticos de Buenos Aires e também o mais jovem, assim que, muito da arquitetura é moderna e diferente do resto dos bairros mais antigos da cidade. É um excelente bairro para fazer turismo e indispensável para quem visita Buenos Aires. Deixo a advertência aos leitores que tudo que é comercializado lá, salvo franquias, é relativamente mais caro que em qualquer outro lugar da cidade, assim que se forem comprar com intenção de almoçar, jantar, tomar uma café da tarde, enfim, prepare o bolso para pagar um pouco mais que pagaria em outra parte da cidade, porém a experiência vale a pena, se tiver condições para isso é claro, com relação ao turismo é tranquilo e os valores das atrações pagas é praticamente irrisório, como uma visita a uma das fragatas museu por exemplo.

História de Puerto Madero


Ao final do século XIX, quando a cidade resolveu ter uma estrutura portuária, o engenheiro Luis A. Huergo e o comerciante Eduardo Madero apresentaram um projeto que previa a construção do porto nas imediações da Plaza de Mayo, proposta que foi aprovada pelo Congresso da Nação em 1882, as obras começaram em 1897.

Devido a ineficiência do projeto, ao não contemplar que os navios de carga iriam ser cada vez maiores ao passar do tempo o projeto e o porto ficaram obsoletos por não comportar esses navios. Tiveram que construir um novo porto para esse fim e a área onde hoje é o famoso bairro de Puerto Madero ficou abandonada por mais de 50 anos.

Em 1989 um projeto entre o governo e a cidade de Buenos Aires implicou na recuperação e restauração da área para moradias e espaço público. As ruas do bairro de Puerto Madero rendem homenagem a mulheres destacadas da história argentina, hoje o bairro de Puerto Madero é um exclusivo centro residencial, gastronômico e de negócios.

Passeios em Puerto Madero

O bairro de Puerto Madero em si só já é um passeio, porém podemos destacar alguns pontos do bairro que ganham mais destaque, dentre ele:

  • Puente de la Mujer
  • Parque Micaela Bastidas
  • Paseo de la Gloria
  • Monumento al Tango
  • Fuente de la Nereidas
  • Dársena Norte
  • Buque Museo Fragata Sarmiento
  • Buque Museo Corbeta Uruguay
  • Colección de arte Amalia Lacroze de Fortabat
  • Faena Arts Center
  • Museo del Humor
  • Reserva Ecológica

Como chegar a Puerto Madero

Isso vai depender do ponto da cidade que você estiver, porém deixo um lista de transportes de ônibus e metro que te acercam ao local. Segue:

Metrô:
Linha: A (Azul Claro, estação Plaza de Mayo).
Linha: D (Verde, estação Catedral).
Linha: E (Roxa, estação Bolivar).
Essas linhas de deixam na Plaza de Mayo, de lá você pode caminhar até Puerto Madero descendo por trás da Casa Rosada.
Linha: B (Vermelha, estação Leandro N. Alem).
Te deixa na esquina da Av. Corrientes com Av. Leandro N. Alem a três quadras de Puerto Madero.

Ônibus:
Com relação aos ônibus serão realmente muitas linhas que te deixarão lá perto, devido a que muitas linhas passam pela Playa de Mayo e pela Av. Eduardo Madero, assim sendo será necessário saber de onde você está para ver quais as linhas que coincidem da sua posição até o Puerto Madero, porque são muitas mesmo, mais de 50 linhas passam por lá, não será de muita ajuda eu apenas listas elas aqui pra você, aconselho você a dar uma lida em nosso tópico de como andar de ônibus em Buenos Aires. Lá explica como acessar o mapa interativo da cidade, colocar seu ponto de partida e ponto de chegada e ver quais são as opções disponíveis.

Guia Buenos Aires

Se você deseja informações atualizadas e de primeira mão reunidas de forma prática em um Guia feito exclusivamente para brasileiros talvez você queira dar uma olhada em nosso Guia completo, acesse: Guia de Buenos Aires para Brasileiros

Artigos relacionados...

1 Resposta

  1. 28 de outubro de 2016

    […] o agito do Microcentro, as construções antigas do bairro de San Telmo e o jovem bairro de Puerto Madero. Então se você está buscando atividade para fazer em Buenos Aires, o Buenos Aires Bus deve ser […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *